TaTME: Saiba como tratar o câncer de reto, quais suas indicações e vantagens do procedimento

04/01/2018

Os tumores que acometem o intestino grosso na região do reto comumente possuem origem em pólipos (pequenas elevações) na parede do órgão.

O médico especialista está sempre atento ao aparecimento desses pólipos em exames, principalmente pelo fato de não ser comum apresentarem sintomas.

Com o câncer em desenvolvimento, alguns sintomas podem indicar o diagnóstico, tais como:

  • Sangramento na parede intestinal (que pode ser observado com a presença de sangue nas fezes);
  • Alteração do hábito intestinal (com diarreia e prisão de ventre frequentes);
  • Alteração na consistência das fezes;
  • Desconforto abdominal persistente;
  • Dor retal e até mesmo anemia.

A indicação para tratamento irá depender de vários fatores como tamanho e localização do tumor, além dos tecidos já acometidos por ele.

Em muitos casos, é indicada a cirurgia além de tratamento com radioterapia, associada ou não à quimioterapia.

Em algumas situações, o cirurgião poderá valer-se de técnicas cirúrgicas mais bem elaboradas, como as descritas a seguir.

TaTME: como tratar o câncer de reto por via transanal

A cirurgia é o tratamento indicado em grande parte dos casos de câncer colorretal e, como dito acima, depende de alguns fatores como a condição clínica do paciente, além da localização e tamanho do tumor.

Ao longo dos últimos anos, algumas técnicas foram desenvolvidas e aperfeiçoadas com a intenção de aumentar a eficácia do procedimento cirúrgico.

Dentre elas, podemos citar o TME (ou ETM, em português) que consiste na excisão total do mesorreto. Nele, praticamente todo o reto é removido, além do mesorreto (envelope fibroso que liga a face posterior do reto à face anterior do sacro).

Como surgiu o TaTME e quais suas vantagens na remoção do câncer de reto?

Apesar de seus benefícios, o ETM sofreu profundas mudanças em relação à dinâmica do procedimento:

A abertura do abdômen era padrão em suas origens. Logo depois, a técnica evoluiu para o acesso laparoscópico, evoluindo novamente para o atual acesso transanal.

Sendo assim, o TaTME (evolução do ETM) consiste na excisão total do mesorreto por via transanal. No procedimento, a remoção da região lesionada ocorre por via colonoscópica e a liberação da mesma se dá através do canal anal.

Essa técnica cirúrgica pode ser indicada em casos de tumores localizados em regiões desfavoráveis para a realização da cirurgia convencional, como na pelve e fora da cavidade abdominal.

O TaTME se trata e procedimento minimamente invasivo e possui inúmeras vantagens como:

  • A remoção do reto por via inferior (ou seja, pelo próprio orifício anal);
  • Não são necessárias incisões na parede abdominal, sendo todo o procedimento realizado por via transanal;
  • A recuperação muitas vezes é mais rápida que em procedimentos convencionais;
  • É vantajoso do ponto de vista estético;
  • A técnica ocorre através de grampeamento ou sutura natural.

A cirurgia pode ser realizado exclusivamente por acesso transanal ou mesmo através de uma combinação entre TaTME e laparoscopia (outra técnica minimamente invasiva, porém com incisões abdominais).

O que é o SILS Port e qual sua vantagem para o TaTME?

Antes, o acesso à região retal era realizado através de óticas binoculares. Muito inferiores aos atuais equipamentos de vídeo, foram substituídas com sucesso através do uso do SILS Port.

Dispositivo desenvolvido para acesso laparoscópio, rapidamente foi adaptado para o acesso transanal por ser de baixo custo, possuir boa flexibilidade, além de sua forma específica que acabou auxiliando de forma ideal alguns procedimentos na proctologia.

O SILS Port pode ser utilizado em um grande número de cirurgias, como por exemplo naquelas em que a dissecção se inicial ainda no canal anal, mesmo quando há lesões volumosas. Por fim, é ideal para a excisão total do mesorreto por via transanal.

O câncer no reto é tratável, por isso é fundamental procurar por um bom especialista que possa indicar o tratamento ideal. O TaTME, assim como outras técnicas, podem ser ótimas alternativas para muitos casos.

Caso você deseje agendar sua Consulta na Clínica Colono, basta nos enviar uma mensagem pela página de contato ou então falar diretamente conosco pelo nosso WhatsApp.

Assista ao Vídeo: Uso do SILS Port na Cirurgia Endoscópica Transanal (TAMIS e TaTME):